adsense

ANVISA proíbe anfetaminas e restringe o uso da sibutramina

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), as substâncias a base de anfetaminas, mazindol, femproporex e anfepramona, podem ter efeitos maléficos, causando alterações cardiovasculares e no humor, dependência psicológica e depressão e por isso, seu consumo, prescrição e venda serão proibidos a partir de Dezembro desse ano.

A sibutramina, medicamento muito utilizado para perda de peso, continua liberada, mas o governo decidiu impor restrições: a receita é obrigatória para a compra, e a validade é de apenas 1 mês. Além disso, o paciente terá que apresentar um termo de esclarecimento, um documento que ele e o médico vão assinar atestando que sabem dos riscos do remédio.

Vale lembrar que a sibutramina é proibida em muitos países do mundo, devido aos seus muitos efeitos colaterais e riscos.

A opinião de médicos sobre esse assunto no Brasil é controversa, alguns são contra e outros são a favor do uso da sibutramina.



Mas é importante lembrar que não existem milagres, que os efeitos colaterais de remédios emagrecedores podem ser muitos e o emagrecimento é temporário. Para haver uma perda de peso saudável e permanente, a reeducação alimentar é a única solução!



Escrito por Laís Simino
Nutricionista

Nenhum comentário :

Postar um comentário